Neste Blog continua a escrever-se Português de Portugal.

sábado, outubro 05, 2013

Reflexões 1

      Sob o título “Venceu quem merecia vencer”, o José Matos (JM) vem, na última edição de "O Jornal de Estarreja" e uma vez mais, fazer  o que faz uns dias depois de qualquer acto eleitoral: dissecar à sua maneira os resultados, sempre dentro da sua tão estimada  lógica partidária, tão estéril quanto interessante.
Não fosse o penúltimo parágrafo do referido texto e o mesmo se resumiria a uma nulidade. Mas atente-se bem no conteúdo das frases, que aqui se transcrevem:
 
“(…) Sabina vai governar com maioria sem precisar da oposição para nada (o sublinhado é meu). Na Assembleia, mesmo sem os presidentes da Junta do PS (penso que queria dizer PSD), a coligação pode fazer passar qualquer documento com o voto de qualidade do Presidente da Mesa.”
Bom, não sei quais as contas que o José Matos fez mas ao que julgo saber, o voto de qualidade do presidente só é usado em caso de empate nas votações. Ora, a Coligação elegeu 10 deputados, o PS, 8 e a CDU 3. Sinceramente, sem os presidentes da junta não estou a ver como é que a coligação arranja igual número de votantes mas enfim, eu terei aprendido a fazer contas numa escola que já nem existe. Terá sido esse o problema.
Adiante, porque o verdadeiro motivo destas linhas nem é sequer as contas do José Matos e é muito mais preocupante.
Comecemos pelo título para dizer que a realidade e a história são férteis em situações em que nem sempre vence quem deveria vencer. E eu acredito que em Estarreja não venceu quem deveria vencer, mas é tão só a minha opinião que vale tanto quanto a do JM. E, provavelmente pelo país fora, muitos candidatos que foram preteridos pelos eleitores, dos quais uma boa parte formaram listas do PSD, mereceriam ganhar. Percebeu-se claramente neste acto eleitoral a mistura que se continua a fazer entre eleições autárquicas e legislativas. O resultado traduz uma penalização clara dos candidatos do PSD, por culpa das políticas do governo - tal como aconteceu há 4 anos com os do PS. E estará isso certo? Não me parece.
Mas, o que o José Matos escreve sobre a oposição é que me parece demasiado grave, despropositado e defenidor de uma certa maneira de estar da qual me distancio.
Dizer que a oposição não é precisa para nada (na  governação) é assumir uma atitude de prepotência, ditadora e, sobretudo,  desrespeitadora dos 6158 eleitores que não votaram na coligação, que obteve 5253  votos. Ou seja: a oposição, mesmo que em maioria, no entender do José Matos, não serve nem é precisa para nada. E aqui não há jogos de palavras. É o que está escrito pelo  seu próprio punho.
A aplicação desta forma de ver/estar traduz-se no já habitual esvaziamento das funções dos vereadores da oposição, eleitos tão legitimamente como os outros, mas a quem não lhes é dado qualquer pelouro. E bom seria que algumas pessoas conseguissem perceber que todos os 7 vereadores representam, na mesma medida, os eleitores que neles votaram. Ora, tal como gosta de dizer o JM, é importante acatar a vontade do povo e, se o povo quisesse 7 vereadores da coligação, teria votado nesse sentido - digo eu.
 
 

3 comentários:

Anónimo disse...

Não faz falta muitas palavras, para dizer que por a boca Morre O PEIXE.

Anónimo disse...

De:
Dr. Matos Ramos – Economista – Residente em Canelas
E-Mail: “ matosramos2013@gmail.com “2013-12-02

Exmos. Senhores

Estou revoltadíssimo, com a falta de liberdade de expressão que existe em Estarreja.

No passado dia 29.11.2013, pelas 13:00 Horas, foi silenciado o Blogue: “ www.aviscosidades.blogspot.pt “ e a conta do seu Administrador no Facebook: “ Fermelanidades Sabina de Matos “, através de uma acção concertada do actual Presidente da Assembleia Municipal de Estarreja (José Eduardo Valente de Matos) com o Vereador do Partido Socialista Fernando Mendonça.

Este Blogue, vinda denunciado, verdadeiros casos de polícia no Concelho de Estarreja, tanto do PSD como do PS e nos últimos tempos era o Porta-Voz de uma verdadeira alternativa independente à liderança da Autarquia Liderada pelo Ilustre Médico Cirurgião Ortopedista Carlos Manuel Ribeiro de Sousa, residente no lugar da Aldeia na Freguesia de Avanca.

É necessário, colocar o Blogue agora silenciado outra vez activo e penso que as rádios e jornais da Região devem fazer pressão para isso.

Estarreja está a ficar uma DITADURA.

É urgente denunciar e voltar a ser visível o Blogue: “ www.aviscosidades.blogspot.pt “, nem que para isso sejas necessário levar a efeito uma petição judicial, onde se demonstre a afronta à liberdade de expressão.

Eu, vou continuar esta minha luta, até o Blogue regressar ao público.

Espero a Vossa reacção.

Subscrevo-me: Dr. Matos Ramos

Real Politik disse...

Foi "apenas" mais um meio de expressão livre que se "apagou". Quando um grupo de Carnaval é coagido a silenciar-se, imagine-se o que acontecerá com outros meios mais incómodos. Pouco a pouco os regedores que têm dominado Estarreja nos últimos doze anos vão levando a água ao seu moinho. E dado que essa corja voltou a ser legitimada nas últimas eleições, leva a crer que a inquisição enraizou-se de tal maneira que irá perdurar e talvez intensificar-se.