Neste Blog continua a escrever-se Português de Portugal.

terça-feira, maio 31, 2011

O FIM DAS DÚVIDAS

No âmbito da reestruturação da política da saúde, o Centro de Saúde de Salreu irá passar brevemente a Unidade de Saúde Familiar (USF) abrangendo as freguesias de Salreu, Canelas e Fermelã.
Era inevitável, face à estagnação do crescimento das duas freguesias do sul do concelho, onde o  investimento tem sido apenas o necessário para garantir a manutenção do poder. E nem foi por falta de avisos...
Neste caso, poder-se-á dizer que a maioria dos utentes acabará por sair beneficiada, coisa que não será tão óbvia quando acontecer o encerramento da escola ou a reestruturação politico-administrativa dos distritos.
Bem vistas as coisas, chegada a altura - natural - da racionalização de meios humanos, técnicos e infra-estruturais, outra coisa não seria de esperar que concentrar os serviços nas freguesias maiores.
Este projecto prevê o alargamento do horário de atendimento até às 20h00 de segunda a sexta-feira, em instalações melhores e mais funcionais, permitindo ainda o aumento dos serviços prestados, bem como o atendimento domiciliário. Embora difícil de concretizar, por motivos de ordem financeira,  não está posta de parte a possibilidade de atendimento também ao sábado.
Em suma, o que vai acontecer é a mudança do local de atendimento aos utentes de Canelas e Fermelã, que, mantendo o seu médico de família, passarão a  usufruir de melhores instalações, melhores serviços e horário alargado, o que poderá minimizar o transtorno da deslocação.
Está prevista ainda, pelo menos nos primeiros tempos, a manutenção de um dia de consulta à população mais idosa ou com reconhecidas dificuldades de deslocação, em Canelas e Fermelã.
As novas tecnologias contribuirão também para o sucesso desta reestruturação permitindo, por exemplo, que a marcação de consultas ou o pedido de receitas  seja feito comodamente pela internet, tal como  acontece já em diversas unidades de saúde do país.
Este  projecto é irreversível e encontra-se em adiantado estado de preparação, pelo que não se compreende o silêncio que sobre ele reina nestas paragens...



1 comentário:

António Aguiar disse...

Era isto que eu já adivinhava!
Porque quem tem poder faz aquilo que lhe convém!
Agora só falta o povo ir votar neles e ainda lhe aplaudirem!
Lá diz o velho ditado quanto mais me bates mais gosto de ti!
Na minha opinião haviam de fazer como nos outros lugares boicotar as eleições, eu sei que não é solução mas talvez ajude para aqueles senhores que estão em Lisboa também notarem que nós não estamos de acordo com aquilo que eles deliberam!
Queria fazer uma pergunta: quem é que vai pagar a deslocação aos mais idosos, que nem sequer tem dinheiro para pagar os medicamentos???
Um Abraço Camilo.