Neste Blog continua a escrever-se Português de Portugal.

segunda-feira, dezembro 24, 2007

PRIMEIRO NATAL

Miríades de estrelas cintilavam
Sobre um pavor de intensa escuridade
Com cavernas de monstros e fantasmas.

Já dera meia-noite, ou ia dando,
E recostavam-se os pastor's no campo,
Tão rodeados de ovelhinhas mansas.

E ouviu-se um coro de Anjos, nas alturas:
- Glória nos Céus, e paz às criaturas!

Miríades de estrelas cintilavam.
Já dera meia-noite, ou ia dando.

Reinaldo Matos, P.e

Sem comentários: