Neste Blog continua a escrever-se Português de Portugal.

terça-feira, março 13, 2007

100 ANOS!!!


Comemora-se este ano o 1º Centenário sobre a data da fundação do que viria a ser o maior movimento mundal: o Escotismo.
Foi em 1907, que Robert Baden-Powell decidiu fazer o seu primeiro acampamento na ilha de Brownsea, para onde partiu com um grupo de 20 rapazes.
A sua brilhante e preenchida carreira ao serviço do exército, foi a base para que no seu íntimo começasse a nascer a ideia de que poderia fazer muito mais pela pátria educando jovens e preparando-os para as dificuldades extremas da vida, do que instruindo homens nas artes bélicas.
Corria o ano de 1899 e a agitação na África do Sul era enorme. Baden-Powell recebera ordens do governo de Inglaterra para formar dois batalhões de carabineiros e avançar em direcção a Mafeking.
Mafeking era uma pequena vila, mas que se afirmava como um importante ponto estratégico, muito pelo facto de possuir uma linha de caminho de ferro. Baden-Powell tivera a missão de defender esse território da cobiça dos Boers (colonos brancos da África do Sul de descendência Holandesa), que viriam a cercar por completo a povoação.
A desproporção entre defensores e atacantes era enorme (1 para 9). Foi então que B-P teve a brilhante ideia de utilizar os rapazes de idade superior a 9 anos para, a pé ou de bicicleta desempenharem importantes tarefas tais como, estafetas, distribuição de correio, mensageiros, sentinelas, etc,.
Durante 217 dias B-P conseguiu assim defender Mafeking, resistindo ao enorme ao cerco até à chegada de reforços, o que permitiu a vitória sobre os Boers no ano de 1900.
Em 1901 regressou a Inglaterra e foi aclamado herói de homens e rapazes.
Verifica então que o seu livro sobre exploração, “Aids to Scouting”, destinado ao exército, estava a ser usado como livro de texto nas escolas masculinas.
Baden-Powell viu nisso a oportunidade única que se lhe oferecia para ajudar os rapazes a converterem-se em jovens fortes e preparados para a vida.
Fazendo uso das suas experiências na Índia e na África, lenta e estruturadamente, B-P foi desenhando e desenvolvendo a ideia do Escotismo.
E foi então que, para ter a certeza de que o resultado seria o idealizado por si, se propôs a efectuar o 1º acampamento em Brownsea, que se revelou um grande êxito.
Estavam lançados assim, os alicerces desse grande movimento que cresceu como uma bola de neve e que hoje está espalhado pelos 5 Continentes, em mais de 150 países e envolvendo 28 milhões de homens e mulheres de todas as idades.
É por isso justa a minha homenagem, como Escuteiro que fui, a essa figura universal que foi Robert Stephenson Smith Baden Powell, neste ano do Centenário do projecto enorme que deixou às sociedades de todo o mundo.

SEMPRE ALERTA PARA SERVIR!

4 comentários:

Anónimo disse...

"Escutismo"a maior escola de vida,tem contribuido para a formação de muitos jovens,também eu fui um deles,justa homenagem a B.P.
Uma canhota e sempre ALERTA

Alcides Rego disse...

Faço minhas as palavras do "anonimo" das 21:41.
Por lá andei no 530 de S. Tomé de Canelas desde a sua fundação a 17 de Junho de 1977 (quase a comomorar o 30.º aniversário).
Foi lá que aprendi a desenrascar-me e a jogar o grande jogo da VIDA.
Foi lá que aprendi que esta VIDA deve ser vivida em profundidade e é boa de mais para acabar.
"Procurem deixar o mundo um pouco melhor do que o encontraram".
Façam o favor de ser felizes e sigam o exemplo deste Grande Homem que foi B.P.

Anónimo disse...

Boa Alcides,fomos companheiros durante muitos anos no 530.Hoje recordo todos os momentos que lá passámos com uma enorme saudade,tenho a certeza que dentro de todos nós ficou muito do que lá aprendemos,hoje somos homens mas temos essa referência na nossa vida,o termos pertencido a este grande movimento.

Alcides Rego disse...

Será que o anónimo das 10:57 não se poderia identificar?
É que assim ficaria a saber a quem mandar os meus cumprimentos.
De qualquer das formas, votos de Boa Caça.